domingo, 6 de março de 2011

Comitê católico-judeu pede proteção às minorias religiosas


Foi concluído nesta quarta-feira, 2, em Paris, França, o 21º encontro do Comitê Internacional de diálogo católico-judeu com o título “40 anos de diálogo: reflexões e perspectivas futuras”. Durante a conferência, o Comitê destacou a descriminação e as injustas restrições às minorias católicas em muitas partes do mundo. 

Numa declaração conjunta, os relatores expressaram profunda tristeza pelos repetidos atos de violência e terrorismo cometidos supostamente em nome de Deus, além dos crescentes ataques contra cristãos e ofensivas ao Estado de Israel.

A conferência repudiou qualquer ato de violência cometido em nome da religião defendendo a compreensão da verdadeira natureza na relação com Deus.

Os participantes do evento concluíram a nota confirmando seus empenhos na continuação de seus trabalhos para um futuro de paz no Oriente Médio, salientando a importância das boas relações entre cristãos e judeus em todos os níveis e em todas as situações.

Na declaração conjunta também foram ressaltados os resultados obtidos por meio deste diálogo entre judeus e católicos num mundo em rápida transformação.

Os participantes do encontro debateram sobre os acontecimentos no norte da África e no Oriente Médio, e consideraram estes sinais de uma exigência de liberdade por parte das novas gerações daquelas regiões.

Fonte: Canção Nova
Postado por Jessé Santos - PASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário