quarta-feira, 13 de abril de 2011

TVs Católicas articulam cobertura da JMJ


Com a finalidade de articular a cobertura da Jornada Mundial da Juventude, em Madri, na Espanha, no próximo mês de agosto, representantes de TVs de inspiração católica e do Setor Juventude da CNBB estiveram reunidos na última segunda-feira, 11 de abril, no Rio de Janeiro.

Convocada pelo Arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, que também preside a Comissão Episcopal para a Cultura, Educação e Comunicação Social da CNBB, a reunião contou com representantes da TV Aparecida, TV Canção Nova e Rede Vida de Televisão.

"Nossa proposta é fazer uma ampla cobertura da Jornada em Madri, através de todos os meios de comunicação de que dispomos, para que as pessoas e, em particular, os jovens, de todas as partes do Brasil, possam acompanhar a extensa programação. É um evento eclesial de fé e de unidade, que envolve a juventude do mundo inteiro, e será um estimulo para todos nós que esperamos sediar, aqui no Brasil, a próxima Jornada", afirmou Dom Orani.

Do Setor Juventude da CNBB, esteve presente o bispo referencial e Bispo auxiliar de Campo Grande (MS), Dom Eduardo Pinheiro da Silva, e o assessor nacional, padre Carlos Sávio da Costa Ribeiro. Representando o Rio de Janeiro, compareceram o Bispo Auxiliar, Dom Antonio Augusto Dias Duarte, e diversos presbíteros envolvidos com o Setor Juventude.
Motivado pela Jornada Mundial da Juventude, de Madri, Dom Eduardo apresentou aos participantes o grande projeto de evangelização que o Setor está organizando, com programação até 2013. Lembrou que o Setor, respeitando a caminhada e o carisma do protagonismo juvenil, está unindo forças ao redor de metas comuns, com o objetivo de melhorar a evangelização da juventude.

"Por todos os lados, vemos jovens desorientados. A Jornada é um estímulo para que eles possam compreender o valor de sua existência e a importância do encontro com a pessoa de Jesus Cristo. Agora é o momento, fora ou dentro da Igreja, não de rebeldia, mas de grandes ideais", afirmou Dom Antonio Augusto, que acompanha o Setor Juventude na Arquidiocese do Rio.

De acordo com padre Sávio, o trabalho de divulgação realizado até agora para a Jornada de Madri está alcançando bons resultados. Já estão inscritos 60 bispos, 10 mil jovens e centenas de presbíteros. O sacerdote lembrou que as TVs católicas no Brasil estão atingindo cada vez mais a população e, em especial, a juventude, realizando o seu papel determinante no âmbito da evangelização.

"Não se pode pensar em evangelização da juventude sem um plano substancial de comunicação. O Santo Padre tem insistido para utilizar os meios para o anúncio da boa notícia. O jovem se comunica com muita rapidez, por isso a Igreja precisa estimular para que seja a comunicação de uma boa noticia", afirmou o assessor nacional.

Fonte: Canção Nova
Postado por Jessé Santos - PASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário